Gustavo da Costa Silva

A Polícia Civil de Pindamonhangaba ainda investiga para apurar a morte de um jovem universitário de 21 anos, espancado no dia 24.06.17. O inquérito busca desvendar se o caso foi um homicídio ou latrocínio.

De acordo com o boletim de ocorrência, testemunhas revelaram que Gustavo Costa, mais conhecido como Carioca, foi surpreendido por um grupo de homens na Praça da Bíblia, no início da noite. Após uma breve discussão, ele começou a ser agredido com chutes e socos, até ficar desacordado. Pessoas que passavam pelo local encaminharam a vítima ao Pronto Socorro.

A Polícia só ficou sabendo do ocorrido após uma equipe da PM encontrar uma moto abandonada em uma rua do São Benedito. Após checar a placa do veículo, os policiais foram até a casa de Carioca, onde foram informados que ele estava no hospital, após ser espancado.

O jovem foi internado, em estado grave, na Santa Casa, mas acabou morrendo na manhã do dia 26.06.17.

A morte do jovem causou comoção no Jardim Aurora, bairro em que ele vivia com a família. Gustavo era atleta, praticava artes marciais, tendo conquistado várias medalhas por este esporte, era um rapaz muito ligado a família, cursava universidade e tinha uma vida inteira pela frente. Mas foi brutalmente espancado e morreu um dia após seu aniversário de 21 anos.

De acordo com a Polícia Civil, apesar de a moto ter sido encontrada distante do locou do crime, o que reforça a suspeita de que o caso se trata de um latrocínio (roubo seguido de morte), não foi descartada a hipótese de homicídio.

https://tvuol.uol.com.br/video/universitario-e-espancado-e-morto-em-pindamonhangaba-04020C19386AD4916326

https://noticias.band.uol.com.br/brasilurgente/videos/16255821/jovem-e-espancado-ate-a-morte-um-dia-antes-do-aniversario

https://www.agoravale.com.br/noticias/Policial/jovem-morre-em-pinda-apos-ser-agredido-em-tentativa-de-assalto